Programa KM Vale Vida

 

Programa KM Vale Vida

Vinculado ao seu modelo de negócio e consciente de sua responsabilidade social, o Programa KM Vale Vida da Scala Logística tem como objetivo geral criar a Cultura da Segurança no Trabalho. Os objetivos específicos do Programa são: (1) desenvolver estratégias de enfrentamento individuais e organizacionais para lidar com as adversidades do trânsito, visando diminuir os acidentes nas estradas; (2) desenvolver hábitos de auto monitoramento com a segurança e (3) intensificar o engajamento dos profissionais ao programa por meio de ações internas.

Inúmeros acidentes que provocam perdas materiais e humanas poderiam ser evitados se houvesse a Cultura da Segurança no Trabalho, a qual inclui a checagem dos itens de segurança do veículo, a obediência à sinalização da estrada, a prática da direção defensiva e a atenção aos sinais de perigo na estrada.

 

De acordo com pesquisas, a imprudência no trânsito é uma das maiores causas de acidentes. Estar consciente de que os cuidados básicos devem fazer parte de nossa rotina, significa proteger a vida, garantindo a qualidade da mesma. Sendo assim, programas com ações contínuas e incentivos são fundamentais para prevenir acidentes nas estradas, os quais são percebidos como o principal estressor dos profissionais motoristas da Scala, segundo a psicóloga Michelle Taube, do  Setor de Desenvolvimento Humano (DH).

 

De acordo com as pesquisa de Taube, baseadas em Camelo e Angerami (2008) e Selye (1974), se o indivíduo apresentar um repertório deficitário de enfrentamento, será desencadeado o estresse ocupacional. Para Camelo e Angerami (2008), o estresse ocupacional é um estado geral de tensão fisiológica e tem relação direta com as demandas do ambiente organizacional. Já para Selye (1974), os eventos que desencadeiam o processo fisiológico e a resposta psicológica do organismo, com o objetivo de distinguir o estímulo da resposta, são referidos na literatura como estressores.

O cuidado com a segurança é a principal preocupação da Scala Logística que investe no desenvolvimento humano para alcançar seus objetivos. Por isso, em sua Política de Gestão uma de suas cinco áreas prioritárias é a de Saúde e Segurança Ocupacional e Patrimonial, cujo objetivo é “Atuar na promoção da saúde e na proteção de seus colaboradores, parceiros e prestadores de serviços, mediante identificação, controle e monitoramento de riscos, adequando a segurança dos processos às melhores práticas, bem como atendendo normas e legislações aplicáveis”(SCALA, 2017).

 

As possibilidades de intervenção e manejo do estresse pode ser focadas na organização e/ou no indivíduo. Na organização, podemos citar mudanças na estrutura organizacional, condições de trabalho, T&D, participação e autonomia no trabalho, programas e relações interpessoais no trabalho. No indivíduo, desenvolvimento de um adequado repertório de estratégias de enfrentamento individuais (TAUBE, 2017).

KM Vale Vida

O lançamento do KM Vale Vida realizou-se no dia 26 de outubro, em Guaíba/RS, estendendo-se até o fim do dia 27, com diversas ações. Entre elas, destacam-se: apresentação do Programa aos profissionais; palestras e workshops; painel com textos incentivadores; dicas via WhatsApp, cartazes, fitas e adesivos.

A apresentação do Programa foi realizada por Cleusa Scapini Becchi, administradora da Scala Logística, e Carlos Pereira, coordenador da Operação Florestal. Na ocasião, a pergunta “A vida lhe dá muitas razões para vivê-la. Quais são as suas?” foi feita aos profissionais, os quais deverão refletir sobre o tema e suas respostas irão compor o painel especial do programa, com fotos e frases, bem como com a participação de suas famílias.

“A vida lhe dá muitas razões para vivê-la. Quais são as suas?”

    

 

Na sequência da programação, foram realizadas palestras/treinamentos, cujos temas foram: Manutenção e Pneus; Orçamento Familiar; Assédio Moral; Operação Florestal; Qualidade e Meio Ambiente (Caça e pesca, Cerflor, FSC, Cadeia de Custódia); Ergonomia, postura adequada, pausas no trabalho, alongamento laboral e qualidade de vida; Controle de Jornada; Apresentação do Plano de ação da Pesquisa de Clima; Políticas de Gestão da Scala; Direção Econômica e Defensiva; Saúde e Segurança – Foco em Segurança no Trânsito (Celular e Sono); Saúde e Segurança – Análise de risco da atividade do motorista; Saúde e Segurança -Treinamento sobre EPI’s, Como proceder em caso de ataques de abelha? Saúde e Segurança – Plano de controle de emergência PCE – Como proceder em caso de acidente do trabalho?; Comportamento, Tomada de Decisão, Sono, Alimentação, Qualidade de Vida.

As ações descritas podem ser divididas em quatro dimensões que levam em conta as questões as técnicas, relacionadas ao desempenho profissional; as questões as sócio-ambientais, relacionadas ao comportamento; as questões de saúde e segurança, relacionadas aos cuidados diários e eventuais e, por fim, mas não menos importante, as questões econômicas, com orientações relacionadas à atividade profissional e também ao orçamento familiar.

Os diretores da Scala Logística acreditam que o alto desempenho de seus profissionais depende do investimento que a empresa faz no desenvolvimento humano (DH) e, por esta razão, dedicam-se a elaborar um calendário anual de educação formal em prol do mesmo que está vinculado ao Programa Scala 3D – Determinação, Desenvolvimento e Desempenho.

Eles consideram que o DH é coletivo e não individual e, por isso, também conceberam, junto com suas equipes, um plano de ações sociais que visam aproximar a Scala da comunidade onde atua e contribuir com a mesma, por meio de seus programas Scala 10 e KM Vale Vida, fazendo jus ao seu slogan “À frente e ao seu lado. Sempre!”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × três =